Início / Lançamentos & Novidades / Facebook lança Messenger para crianças, com opções de controle parental

Facebook lança Messenger para crianças, com opções de controle parental

O Facebook lançou nesta segunda-feira (4) uma versão do Messenger voltada especificamente para crianças, com grande foco em ferramentas de controle parental. Por enquanto disponível apenas nos Estados Unidos e em versão para o iOS, a ideia é permitir que os pequenos façam uso da ferramenta de mensagens instantâneas da companhia, mas sob total supervisão de adultos.

A plataforma funciona de maneira independente da rede social, que, tecnicamente, só permite que maiores de 13 anos a utilizem, apesar de quase não existirem empecilhos com relação a essa barreira de idade. Por meio do Messenger Kids, os pequenos podem conversar com amigos e familiares por meio de texto, fotos e vídeo, estejam eles na versão padrão do mensageiro ou, também, utilizando a versão customizada para o público infantil.

A versão também conta com alguns recursos exclusivos para aumentar o engajamento, como filtros especiais, ferramentas de desenho e a possibilidade de adição de GIFs, molduras ou máscaras tanto em imagens ou vídeos gravados quanto nas próprias conversas ao vivo. O objetivo é dar uma alternativa divertida para as crianças, ao mesmo tempo em que os aproxima dos pais por meio de ferramentas que eles já utilizam.

Já para os pais e responsáveis, o grande diferencial está nas opções de controle. É impossível deletar as mensagens trocadas pelo Messenger Kids, enquanto os pais devem aprovar todos os contatos adicionados pelas crianças, podendo também realizar pedidos de amizade em nome deles a partir de suas próprias contas no Facebook.

Para os pequenos, também está à disposição um sistema simples de denúncias, que permite reportar mensagens inadequadas tanto para a própria rede social quanto aos pais, que recebem notificações relacionadas a isso em suas próprias aplicações. Filtros específicos também estão em funcionamento para garantir que diferentes tipos de conteúdo abusivo sejam bloqueados antes mesmo da exibição para as crianças.

Essa, inclusive, será uma das poucas formas de monitoramento da atividade no aplicativo. O Messenger Kids não conta com anúncios e, além de monitorar as conversas com os filtros de conteúdo, também é capaz de identificar os contatos com quem as crianças e os pais conversam com mais frequência, de forma que eles apareçam no topo da lista.

Também ficou de fora, pelo menos da versão inicial, ferramentas que possibilitem aos pais controlar o tempo que os filhos permanecem conectados ao aplicativo. Não existe nenhuma forma de realizar bloqueios relacionados a horários ou duração de sessões, com o Facebook afirmando apenas que esse recurso foi bastante mencionado em testes internos, podendo ou não aparecer em atualizações futuras.

A versão do Messenger Kids lançada nesta semana surgiu a partir de extensivas pesquisas internas realizadas pela companhia. Conversando com pais que também são usuários da rede social, a empresa chegou a um denominador comum para todos eles, no que toca a utilização da rede social pelos filhos. A grande palavra de ordem, aqui, é controle.

Organizações de proteção às crianças também participaram do desenvolvimento e concepção do app, como a Associação Nacional de Pais e Professores, dos EUA. Foi deles, inclusive, que nasceu a ideia do mensageiro, após a publicação de uma pesquisa que mostrava de 66% das crianças entre seis e 12 anos de idade possuíam um tablet ou smartphone, enquanto 81% deles começaram a utilizar redes sociais a partir dos oito anos.

A necessidade de controle, então, era imediata, e o Messenger Kids chega para começar a atender tais anseios.

 

Terra

Confira também

Estreia nesta segunda o programa “Encontro Marcado”, com Priscila Abreu; tudo sobre o universo feminino

Estreia nesta segunda (04) na programação da 88 o programa “Encontro marcado”. A apresentadora Priscila ...

Italiano faz panetone mais caro do mundo: R$ 1,9 milhão

Produzido no Piemonte, norte da Itália, o panetone mais caro do mundo custa 500 mil ...

Confira a lista de indicados para o Grammy 2018

Saiu nesta terça-feira, 28, a lista de indicados para concorrer às diversas categorias do Grammy ...

Bruno Gagliasso e Gio Ewbank agradecem apoio após ataque racista a Títi:’Fortes’

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso se posicionaram na web nesta terça-feira (28) em agradecimento às ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *