Início / Últimas Notícias / Cidade News: Estatuto do Desarmamento deve ser alterado? Veja opiniões

Cidade News: Estatuto do Desarmamento deve ser alterado? Veja opiniões

 

O Estatuto do Desarmamento, lei federal vigente desde dezembro de 2003, está prestes a ver a ofensiva mais intensa visando a sua alteração, ou até mesmo revogação. Mas a mudança na lei é necessária? Veja duas opiniões contrárias sobre o tema:

‘SIM’

“A modificação é necessária por dois aspectos. O primeiro deles é uma questão democrática. O estatuto foi concebido a partir da proposta de proibição de circulação de armas. Em referendo, a população rejeitou essa ideia, negando a raiz do estatuto. Outro aspecto é pelo momento da segurança pública. Ao longo da vigência da lei, não observamos melhora. Os homicídios com arma de fogo subiram e há reflexos em outros crimes. O criminoso passou a não ter mais receio de reação da vítima, dinâmica causada por nossa legislação leniente e pela sensação de impunidade generalizada. A falta de receio de punição estatal associada ao desarmamento é um convite para o crime. No entanto, não se pode tratar o acesso do cidadão à arma como uma política de segurança pública. O cidadão não vai substituir a ação estatal, mas sim exercer seu direito individual à legítima defesa.”

Fabrício Rebelo, advogado e pesquisador

 

‘NÃO’

“Embora ainda possa ser aperfeiçoado, o estatuto tem cumprido seu papel de contribuir para redução de homicídios. Uma série de estudos demonstra que existe correlação entre a quantidade de armas em circulação e o número de assassinatos cometidos. Hoje, o perfil de crimes com arma de fogo indica que as armas de cano médio e fabricadas no Brasil estão envolvidas na maioria das ocorrências, contrariando a ideia de que a maior parte dos criminosos usaria armamento pesado do tráfico internacional. O principal argumento a favor da flexibilização é a segurança pessoal, mas, na verdade, nem sempre uma pessoa armada tem sucesso em repelir um criminoso. Os dados, que devem pautar políticas públicas, não parecem dizer que haverá melhora na sensação de segurança ou na redução de crimes.”

Sérgio Adorno, coordenador do Núcleo de Estudos da Violência (NEV) da Universidade de São Paulo (USP)

 

Terra

Confira também

PRESO POR ESCÂNDALOS SEXUAIS, BILL COSBY CHEGA A ACORDO NA JUSTIÇA

Na última sexta-feira (5), o ator Bill Cosby, que foi preso após escândalos de abuso ...

Sport FlashMarcos insinua que há pipoqueiros no elenco do Palmeiras

  A eliminação do Palmeiras em pleno Allianz Parque nesse domingo gerou comentário polêmico de ...

Cidade News: 10 militares presos por atirar 80 vezes em carro de músico

Pelo menos dez militares do Exército foram presos em flagrante pelo envolvimento no fuzilamento do ...

Cantor Nahim é preso após invadir casa de ex-mulher

Quem tem mais de 35 anos certamente já ouviu falar de Nahim. O cantor fez ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *